Cultura Festival de Curitiba 2018

Atrações gratuitas integram a Mostra do Festival de Curitiba 2018

Além de espetáculos de rua, a 27ª edição do Festival de Curitiba reúne instalações e performances, entre títulos internacionais e locais, com entrada franca.

 

“Colônia”, o primeiro espetáculo aberto ao público da Mostra 2018, é também o primeiro voo solo do ator Renato Livera, que neste trabalho celebra seus 20 anos de carreira. Escrito pelo dramaturgo Gustavo Colombini e dirigido por Vinicius Arneiro, o monólogo será apresentado nos dias 28 e 29 de março, no espaço Grupo Obragem de Teatro.

Uma das atrações internacionais e gratuitas da Mostra 2018 é a “The Machine To Be Another- A Máquina de Ser Outro”, desenvolvida pelo coletivo artístico BeAnotherLab. O trabalho é uma instalação interativa aberta ao público, que, por meio de um sistema de realidade virtual, tem a ilusão de estar no corpo de outra pessoa. A experiência tem duração de 15 minutos, disponível das 14h às 20h.

Comemorando seis anos de existência, o coletivo curitibano Selvática Ações Artísticas participa da Mostra 2018 com a estreia do espetáculo “Cabaret Macchina”, nos dias 3 e 4 de abril, na Praça Rui Barbosa, com entrada gratuita. O trabalho é uma pós-ópera em formato de cabaré de rua, que além de reunir pela primeira vez todos os artistas do coletivo em um mesmo projeto, conta com a participação da cantora e compositora Karina Buhr.

“Se o título fosse um desenho, seria um quadrado em rotação”, de Eleonora Fabião, é uma série de quatro ações realizadas nas ruas do centro de Curitiba em dias úteis. O projeto consiste em intervenções que provocam o deslocamento de pessoas, objetos e materiais por entre os espaços públicos.

Para mais informações sobre cada espetáculo basta acessar www.festivaldecuritiba.com.br ou o aplicativo “festival de curitiba 2018”.