Bem Estar Novidades

Banco Semear gerencia riscos e reduz em 75% o uso do papel com solução da SoftExpert

Instituição buscava uma ferramenta para gerenciamento de riscos e encontrou na solução da SoftExpert outros benefícios

O Banco Semear, premiado como o banco mais inovador do Brasil no setor financeiro privado, potencializa a gestão de riscos e melhora a eficiência do gerenciamento de seus documentos com a SoftExpert, fornecedora global de softwares e serviços para automação e aprimoramento de processos de negócio, conformidade regulamentar e governança corporativa.

Com sede em Belo Horizonte, a instituição financeira possui capilaridade que abrange praticamente todo o território nacional, sendo expressiva a presença no interior de Minas Gerais e Goiás. Em 2019, alcançou a marca de 2 milhões de clientes atendidos e foi premiado como o banco mais inovador do País no setor financeiro privado, de acordo com levantamento nacional baseado em critérios da Fundação Dom Cabral.

Segundo o gerente do escritório de processos do Banco Semear, Márcio Luiz Cabral Gonçalves, a instituição, que tem cerca de 170 colaboradores e mais de mil correspondentes bancários, buscava uma ferramenta para gerenciamento de riscos e encontrou na solução da SoftExpert outros benefícios que trouxeram mais agilidade, segurança e economia para a instituição.

“Optamos pelo SoftExpert GRC – sistema para excelência na gestão da governança, riscos e conformidade – pois o software permite a integração das práticas de conformidade e gestão de riscos com a gestão de processos, facilitando a tomada de decisões. Não imaginávamos que a solução pudesse impactar tanto no dia a dia da organização. Com a automação dos processos no setor de contas a pagar, reduzimos o volume de impressão da empresa em 75%, revela.

Gonçalves lembra como era o processo e comenta que iniciar a implementação pelo setor de contas a pagar foi fundamental, afinal é um serviço utilizado por todos na Companhia.

“Tínhamos um formulário padrão e era necessário imprimir o documento, preencher, grampear com a nota, coletar assinatura e entregar no setor. Agora, com a automação do processo, ganhamos tempo, economia e segurança”, avalia.

De acordo com Gonçalves, no processo da gestão de demandas do jurídico, por exemplo, houve uma redução de 60% no volume de e-mails e de 30% no tempo de atendimento. Outro diferencial, apontado pelo gerente, é a facilidade da solução.

“A possibilidade de implantar processos sem a necessidade de codificação e dependência da área de tecnologia é fundamental para dar agilidade às atividades.

Todas as áreas da companhia são impactadas pela solução. Atuando de maneira integrada, as ferramentas padronizam tarefas e melhoram a gestão da organização, por meio dos componentes Analytics, Auditoria, Controle de Atividades, Desempenho, Documento, Formulário, Plano de ação, Problema, Processo, Projeto, Risco e Workflow.

O próximo desafio da companhia agora é integrar o SoftExpert Suite à plataforma de RPA – Robotic Process Automation – utilizada pelo banco.