Bem Estar Saúde

Como salvar a dieta na praça de alimentação do shopping

Especialista traz algumas dicas saudáveis para não cair na tentação.

Um dos passeios favoritos do curitibano é ir ao shopping – especialmente nos finais de semana. Seja para fazer compras, conferir as vitrines, levas as crianças para curtir alguma atração infantil ou para alguma refeição. Ou – porque não? – todas as alternativas anteriores. Para quem está de dieta ou cuidando o que consome, a praça de alimentação pode ser um desafio já que o espaço é repleto de delícias tentadoras que emanam um perfume quase hipnotizante. Mas saiba que há opções saudáveis para agradar todos os paladares.

A nutricionista da Paraná Clínicas, Carolina Brouck, explica os motivos que levam as pessoas a escolherem comidas menos saudáveis. “Opções mais gordurosas e com mais açúcar costumam ser mais palatáveis e fazem parte de uma questão cultural. Por exemplo, no final de semana as pessoas saem da rotina e acabam optando por alimentos que não estão disponíveis no dia a dia. Essa junção de fatores acaba contribuindo com o consumo de alimentos menos saudáveis”

Carolina cita que controlar o desejo por batata-frita, cachorro-quente ou um hambúrguer envolve algumas escolhas. “Não é preciso deixar de comer esses alimentos, mas é preciso ter coerência e equilíbrio. Escolher a alimentação saudável e deixar as opções menos saudáveis para de vez em quando, está dentro do equilíbrio esperado. E se fugiu da dieta por qualquer que seja o motivo, é só voltar na próxima refeição. ”

Dicas para manter a linha

A coordenadora de marketing do Shopping São José, Larissa Ribas, traz algumas dicas e informações para quem quer conhecer as opções menos calóricas existentes em uma praça de alimentação de Shopping. “Temos opções de alimentação para atender todos os paladares, gostos e necessidades. Poucas pessoas sabem, mas há opções muito saudáveis e saborosas até em redes de fast-food”, comenta.

Confira algumas opções que praças de alimentação em shoppings como o São José podem oferecer:

Sanduíches saudáveis

Na hora de escolher o importante é optar por pães integrais, proteínas magras como hambúrguer com baixíssimo teor de gordura, filé mignon ou de frango e rosbife e ingredientes como alface, tomate, cebola, pepino, cenoura, cogumelo e pastas como atum ou frango. Restaurantes como Madero, Subway e Tropical Banana são algumas das sugestões.

Saladas

Montar a salada é maravilhoso. Mas se a salada for montada pelo restaurante, opte por pratos sem molhos à base de creme de leite e maionese. Prefira outras opções como mostarda, iogurte ou o velho e bom combo de vinagre, azeite e balsâmico. Na composição da salada prefira hortaliças, brotos, carnes magras como peixe, frango, salmão e ovo cozido, e um carboidrato como grão-de-bico, quinoa ou cevadinha. Quer adicionar queijo? Escolha entre cottage ou ricota. Boas sugestões de saladas prontas podem ser encontradas no Madero, McDonald’s, Mustang, Oven, Spedini e Tropical Banana.

Pizzas

Yes, you can! Dá para curtir uma pizza e ainda ser saudável. Basta escolher a massa integral e selecionar ingredientes saudáveis como tomate, cebola, rúcula, milho, champignon, ovos e palmito e carnes magras como peito de peru, atum ou frango. Para finalizar lembre-se do orégano, manjericão e azeite de oliva. A dica aqui é a Oven.

Carnes e legumes

A combinação de carnes magras e grelhadas – como mignon e peixes – com legumes ajuda a fornecer uma série de nutrientes e saciar a fome, além de contribuir para o controle ou redução de peso. Se for escolher um molho, opte por algo com um baixo teor de gordura. Os mesmos princípios dos ingredientes saudáveis nas possibilidades acima funcionam aqui. Entre as sugestões estão o Madero e o Spedini.