Educação Últimas

Curso “Mandando Bem” ajuda crianças e adolescentes a melhorar na escrita

Uma atividade prazerosa para uns, mas um pesadelo para outros. Apesar de ensinado desde cedo nas escolas, não são todos os alunos que conseguem escrever um bom texto apenas com as aulas de língua portuguesa. Foi partindo dessa ideia que Fernanda Tenfen criou o Curso Mandando Bem.

Com foco em redação para Ensino Fundamental, Médio e pré vestibular, ela conta que o projeto veio da tentativa de ajudar adolescentes a se interessarem pela escrita. “Surgiu da necessidade de ampliar possibilidades, a fim de atender maior número de pessoas e ajudá-las a atingir maior grau de assertividade na produção textual”, afirma.

Há mais de 15 anos no universo da escrita, Fernanda foca o trabalho de acordo com a faixa etária e o objetivo de cada aluno. Porém, há algo que ela considera essencial para todos. “Incentivo à leitura é a base. Mesmo enquanto não alfabetizados, a leitura dos pais para os filhos já pode despertar o interesse permanente e a curiosidade pela leitura. Mostrar a eles o prazer de ler um bom livro”, afirma. A partir de certa idade, a escrita também deve ser explorada. “Creio que a idade para a iniciação de um ‘mini escritor’ em potencial seja por volta dos 7 anos”, completa.

Mais do que apenas cumprir os objetivos escolares de curto prazo, o curso busca cumprir um papel de cidadania. “Saber falar e escrever de forma adequada a língua pátria deveria ser obrigatório”, afirma Fernanda. “Falar e escrever corretamente é o ponto de partida para se destacar futuramente em um mercado de trabalho extremamente competitivo”, completa.

E por falar em futuro, o curso tem tudo para se expandir nos próximos anos. “Existem planos a médio e longo prazo. Nosso objetivo é levar a Mandando Bem para outros estados, como Santa Catarina, por exemplo”, conta.

 

Mandando Bem Escola Especializada

99979-9789

Avenida Vicente Machado, 198 sala 202 Bloco A – Curitiba/ Paraná

 

Texto Miguel Mello