Educação Novidades

Desfralde? Qual o momento certo?

Tudo o que você precisa saber sobre esta etapa tão importante

O desfralde é um marco fundamental no desenvolvimento do bebê, pois, é o começo de suas ações sozinho. Por volta dos dois anos, a maioria das crianças já está pronta para iniciar este processo.

Com esta idade, ela já começa a ter o controle dos esfíncteres (músculos responsáveis pela micção). O importante é respeitar o ritmo de cada um, pois, cada criança tem uma maturação neurológica, emocional e motora.

A fisioterapeuta formada em Uropediatria e Disfunção Miccional na Infância, Dra. Viviane Sobania, explica que “inicialmente, a micção é reflexa, ou seja, quando a bexiga enche, ela se contrai e o esfíncter relaxa, para que aconteça a micção. Próximo dos dois anos, a criança começa a ter controle, e a micção passa a ser voluntária – momento que deve ocorrer o desfralde. Cada criança é única e tem seu tempo, mas o controle diurno da micção deve acontecer entre os dois e os quatro anos”.

A melhor estação para iniciar este processo é o verão, pois é quando a criança usa menos roupa. Uma dica para estimulá-los, é deixá-los brincarem pelados pela casa, sem reprimir caso um xixi ou outro escape. Durante todo o processo, os pais precisam ter bastante paciência e evitar mostrar frustações.

Confira alguns sinais de que a criança está preparada para o desfralde:

  1. A criança já expressa vontade de fazer xixi e cocô;
  2. Fica mais tempo com a fralda seca (2-3 horas);
  3. Acorda seca do soninho diurno;
  4. Consegue diferenciar cores e tamanhos de objetos;
  5. Fica tirando a fralda;
  6. Pede para trocar a fralda depois que fez xixi e cocô;
  7. Mostra incômodo com a fralda molhada ou cheia;
  8. Começa a acompanhá-la no banheiro;
  9. Mostra interesse pelo pinico, cueca ou calcinha;
  10. Sabe a diferença entre xixi e cocô;
  11. Consegue abaixar e subir as calças sozinho;
  12. Segue comandos básicos.

É muito importante avaliar o tempo do seu filho, pois um processo iniciado antes da hora pode prejudicar o funcionamento do intestino e também pode tornar o desfralde muito mais difícil e demorado. O desfralde é um processo trabalhoso e PACIÊNCIA é a chave para o sucesso.

“Nesta fase, esteja pronto para limpar muito xixi, lembrar toda hora a criança de ir ao banheiro (veja o que funciona melhor para seu filho, 30 em 30 minutos, hora em hora, etc), controlar o impulso de brigar quando ocorrer um escape, não apressar seu filho quando ele está no vaso sanitário ou penico (às vezes eles ficam muito tempo), perder a privacidade no banheiro, em prol de ensinar pelo exemplo, e, se desdobrar para inventar formas de valorizar cada conquista,” enfatiza a Dra. Viviane.

Chegou a hora! E agora?

A Dra. Viviane dá dicas para você ter sucesso no desfralde do pequeno:

1. Alguns dias antes de iniciar o treino para o desfralde, converse com o seu filho sobre a importância do penico;

2. Apresente o processo como algo divertido e excitante;

3. Comece em um fim de semana, cancele as atividades regulares e passe o sábado e o domingo dedicado ao treinamento;

4. Prefira iniciar em dias quentes, assim poderá deixar o pequeno só de shorts, calcinha ou cueca. Prefira roupas mais folgadas, que facilitem na hora do baixar e da micção;

5. Fique atenta aos sinais de que a criança precisa fazer xixi ou cocô, muitas vezes, eles cruzam as pernas, pegam no órgão genital, fazem “aquela forcinha”, etc. Ao perceber, leve-o rápido ao banheiro ou ao penico mais próximo;

6. Espalhe dois ou três penicos pela casa;

7. Tenha paciência e não brigue com a criança quando ocorrer escapes.

8. Tenha sempre perto materiais de limpeza para acidentes iniciais, além de forro para carro e para a cama. Inicialmente, a fralda durante o soninho diurno pode ser mantida, sendo retirada quando ele começar a acordar sequinho;

9. Lembre seu filho de fazer xixi, principalmente, antes de dormir, ao acordar e para o treino diurno. Inicialmente, poder ser de 30 em 30 min. Depois, vá espaçando.

10. Comemore cada vez que ele conseguir usar o penico com alegria e entusiasmo para incentivá-lo. Pode ser com dança, uma música ou algo criativo, para que ele entenda que está fazendo o certo. Pode haver pequenas recompensas no final do dia, como adesivos, carimbos, etc.

Vale ressaltar, que o desfralde precoce bem como o tardio, pode levar a disfunção miccional. Se estiver com dúvida ou com dificuldade no desfralde do pequeno, marque um horário com a Dra. Viviane Sobania pelo 41 99914-4477.