Cultura Últimas

Laive gera grande engajamento na internet já em primeiro episódio

O Programa Laive, com Maurício Meirelles e Daniel Zukerman estreou no último dia 17, ao vivo nas Redes Sociais. Logo no primeiro episódio quinzenal da transmissão, que acontece no Estúdio ClapMe Hub, em São Paulo, os humoristas protagonizaram algumas situações hilárias e que mostraram o poder da interação com o público gerada a partir de uma transmissão ao vivo, utilizando as principais plataformas digitais – como Facebook, Youtube, Instagram e Twitter.

Durante a estreia do Laive foram gerados 43 mil views e 5 mil likes pelo Youtube; 13 mil views e 100 mil interações no Facebook – e pico de 3500 usuários simultâneos no Instagram Live. Somando as plataformas Twitter e Instagram foram gerados mais de 500 posts com a hashtag #Laive que potencializaram o alcance de 3 milhões de pessoas e 4 milhões de impressões. O Laive é o primeiro conteúdo original do ClapMe pensado nessa união com o mercado publicitário, trazendo a possibilidade de inserções antes, durante e depois das transmissões. Além do conteúdo ao vivo, são gerados inúmeros vídeos para postagem e manter a reverberação da mensagem da marca nas plataformas.

O que rolou no primeiro episódio

Na primeira live do Laive teve de tudo: trote no senador Eduardo Suplicy, convocação de espectadores para um verdadeiro “multirão” nas redes sociais para ganhar a simpatia e “patrocínio” do empresário Sidney Oliveira, dono da Ultrafarma – até a participação do youtuber Felipe Neto, que mostrou uma tatuagem com o nome de um dos finalistas do BBB 18, Kaysar.

O Laive é o primeiro conteúdo original do ClapMe pensado na união com o mercado publicitário, trazendo a possibilidade de anúncios antes, durante e depois das transmissões. “Entendemos que as marcas querem views, não lives. Adotamos o conceito de transmissões multiplataforma, nos possibilitando uma capilaridade muito maior e a entrega do conteúdo a públicos cada vez mais qualificados – gerando views e impactos”, afirma Celso Augusto Forster, Co-fundador e CCO do ClapMe e ClapMedia. O programa marca para o ClapMe uma nova fase no desenvolvimento de produto.