Cultura Festival de Curitiba 2018 Novidades

O espetáculo-instalação “Grande Sertão: Veredas”, de Bia Lessa, com Caio Blat, chega ao Festival de Curitiba

Adaptação transpõe para o palco as inúmeras possibilidades de análises da obra de Guimarães Rosa em uma mostra sensorial

Após explorar a obra de Guimarães Rosa em uma exposição no Museu da Língua Portuguesa, a diretora Bia Lessa mescla suas visões no espetáculo “Grande Sertão: Veredas”, em lugar a ser definido, nos dias 07 e 08 de abril, durante a Mostra da 27ª edição do Festival de Curitiba 2018.

Foto Pablo Saborido

A peça apresenta a saga do jagunço Riobaldo, interpretado por Caio Blat, um homem atormentado tanto pela dúvida sobre a existência do demônio como por sua paixão Diadorim, m que atravessa o sertão para combater seu maior inimigo, Hermógenez. Encenado em uma estrutura com 2 horas e 20 minutos de atuação ininterruptas, com o elenco permanentemente em cena, o público é convidado a experimentar a dissolução das fronteiras entre início e fim do espetáculo; entre teatro, cinema e artes plásticas; e entre literatura e encenação.

Com o objetivo de representar o sertão que existe dentro de cada um de nós, Bia Lessa viu a necessidade de elaborar uma mostra sensorial para a obra. Em um belo trabalho de criação com ares artesanais, marca da diretora, a tecnologia foi fundamental para fazer com que o público caminhe em várias veredas. Cada espectador utiliza fones de ouvidos que permitirão escutar separadamente a trilha sonora, as vozes dos atores, os efeitos sonoros e sons ambientes, levando a um nível interessante de interação com o espetáculo.

Vencedor do prêmio APCA como melhor Direção e indicado ao Prêmio Shell de Teatro nas categorias Direção (Bia Lessa), Ator (Caio Blat) e Música (Egberto Gismonti), “Grande Sertão: Veredas” chega ao Festival de Curitiba após temporada de casa lotada, em São Paulo e no Rio de Janeiro.

 

Ingressos

A venda dos ingressos está disponível pelo site www.festivaldecuritiba.com.br, pelo aplicativo “Festival de Curitiba 2018” e nas bilheterias oficiais do evento, no ParkShoppingBarigüi, com funcionamento das 11h às 23h, de segunda a sexta; no sábado, das 10h às 22h e, aos domingos, das 14h às 20h; e no Shopping Mueller, de segunda a sábado, das 10h às 22h, domingos e feriados das 14h às 20h.

O valor dos ingressos para os espetáculos da Mostra vai de gratuito a R$ 70,00 (inteira) mais taxa administrativa.

Os preços para os espetáculos do Fringe variam de gratuitos a R$ 60,00 (inteira), além da taxa administrativa.

Clientes Ebanx têm desconto de 50% em espetáculos da Mostra e do Fringe.

O ingresso do MishMash custa R$ 40 (inteira) mais taxa administrativa.  

O preço da entrada do Risorama é R$ 70 (inteira) mais taxa administrativa.

O Gastronomix, este ano, custa R$ 12 (não consumível) mais taxa administrativa.

O Guritiba custa R$40 (inteira) mais taxa administrativa.

Ficha Técnica:

Idealização e Realização – 2+3 Produções Artísticas Ltda.

Concepção, Direção Geral, Adaptação e Desenho de Luz – Bia Lessa;

Elenco – Balbino de Paula, Caio Blat, Daniel Passi, Elias de Castro, Leon Góes, Leonardo Miggiorin, Lucas Oranmian, Luisa Arraes, Luiza Lemmertz, Clara Lessa;

Concepção Espacial – Camila Toledo, com colaboração de Paulo Mendes da Rocha;

Música – Egberto Gismonti;

Colaboração – Dany Roland;

Paisagem Sonora – Fernando Henna e Daniel Turini;

Projeto de Áudio – Marcio Pilot;

Adereços – Fernando Mello Da Costa;

Figurino – Sylvie Leblanc;

Desenho de Luz – Binho Schaefer;

Diretor Assistente: Bruno Siniscalchi;

Assistente de Direção: Amália Lima;

Direção Executiva: Maria Duarte;

Produtor Executivo: Arlindo Hartz;

Colaboração – Flora Sussekind, Marília Rothier, Silviano Santiago, Ana Luiza Martins Costa, Roberto Machado;

Idealização e Realização: 2+3 Produções Artísticas Ltda.

Agradecimento especial à viúva do Autor, a quem a obra foi dedicada, Aracy Moebius de Carvalho Guimarães Rosa, à Nonada Cultural e a Tess Advogados.

 

7 DE ABRIL ÀS 21H E 8 DE ABRIL ÀS 19H, (AGUARDANDO LOCAL)