Mundo Pet Últimas

Petlove de cara nova

Após cerca de um ano e meio de estudos, a Petlove está de cara nova. A empresa adotou um novo posicionamento de marca com o objetivo de transmitir melhor aquilo que acredita, bem como toda a emoção envolvida quando o assunto é pet. O projeto, que teve início em Setembro de 2016, foi desenvolvido internamente e, em sua fase final, contou com a parceria da designer especializada em branding Aline Nitro, responsável por traduzir visualmente o posicionamento e montar o brand guide.

Fundada em 1999 pelo médico veterinário Marcio Waldman, a Petlove atuou sob o nome PetSuperMarket até 2012, quando passou por uma grande reestruturação. “As mudanças ocorridas em 2012 foram decisivas para o nosso crescimento. Repensamos todo o nosso posicionamento estratégico e a nossa marca. A mudança no nome nos ajudou a deixar mais claro que nosso maior motivador é o amor pelos pets”, afirma Nando Guerreiro, CMO (Chief Marketing Officer) da Petlove.

Nos últimos 6 anos, a empresa teve como principais focos o desenvolvimento do aplicativo, da assinatura e de plataformas próprias, projetos que foram importantes para proporcionar uma experiência de compra mais eficiente para os clientes. Há um ano, entendeu que era hora de aprofundar ainda mais o trabalho de branding para fortalecer o relacionamento com seus consumidores e demais stakeholders. “Comunicação é chave para um bom relacionamento e acreditamos que com essas adequações vai ficar mais fácil para o cliente entender que quando a Petlove fala, não é apenas um CNPJ querendo transacionar, mas sim um monte de petlovers que querem construir um mundo em que todos os pets tenham famílias maravilhosas”, ressalta Luisa Russo, analista de branding da Petlove.

O projeto de reposicionamento da marca teve como etapa chave entrevistas em profundidade com mães de pet. Foram ouvidas 10 mães, entre elas algumas clientes, para entender como pensam e sentem quando o assunto é seu filho de quatro patas. Essas conversas foram tomadas como base para a nova forma de se comunicar (visual e verbalmente) adotada pela marca, de maneira que essa comunicação tivesse grande apelo entre o público alvo.

Para garantir o sucesso nessa jornada, todos os funcionários estão sendo treinados para que a forma de se comunicar com o público em todos os pontos de contato esteja alinhada. “O fato de o projeto ter nascido e sido concluído dentro de casa possibilitou que todos os colaboradores, de alguma maneira, tivessem contato com a nova marca antes mesmo de seu lançamento, o que tem facilitado a etapa de treinamentos. Além disso, criou-se um sentimento positivo, de carinho mesmo, com relação ao novo posicionamento, já que muitas pessoas de diferentes áreas estavam diretamente envolvidas nesse projeto”, finaliza Márcio Waldman, fundador da Petlove.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *