Bon Vivant

” Vai um cafezinho? Maria Luisa Rodenbeck: a empresária que trouxe a Starbucks para o país do café”, Por Luciana Medeiros

“You got your order! When do we start?” – algo como “Você ganhou a parada! Quando começamos?”, disse Howard Schultz, fundador e ex-CEO da Starbucks, ao bater o martelo pela ida da maior rede de cafeterias do mundo para o Brasil pelas mãos da empresária Maria Luisa Rodenbeck. Foi selada naquele dia a parceria do “mais longo namoro” de nove anos, com muita dedicação e persistência, que resultou na inauguração da primeira Starbucks, em dezembro de 2006, em São Paulo.

Chega às livrarias em março o livro “Vai um cafezinho? Maria Luisa Rodenbeck – A empresária que trouxe a Starbucks para o país do café”, escrito pela jornalista Luciana Medeiros a partir do depoimento de mais de 170 amigos, familiares, companheiros de trabalho e admiradores. A obra conta em detalhes a história de persistência, trabalho incansável, treinamento intenso e dedicação total de Maria Luisa e de sua equipe para a inauguração da Starbucks no Brasil, demonstrando como a empresária foi uma mulher à frente de seu tempo.

“Ela reunia características de uma verdadeira empreendedora: capacidade intelectual, competência, criatividade, coragem, sensibilidade, persistência, adaptabilidade. Tudo sempre com muita intensidade, emoção e objetividade, algo raro de se encontrar. Maria Luisa é um exemplo a ser seguido por todos nós”, Marcelo Carvalho, Copresidente da Ancar Ivanhoe Shopping Centers e diretor da Junior Achievement Rio de Janeiro.

“Vai um cafezinho?” retrata o sonho de Maria Luisa, que participou ao lado do marido Peter Rodenbeck na implantação do McDonald´s e da rede Outback Steakhouse no país. “Tenho uma enorme admiração por Maria Luisa e sei que todos os que a conheceram e a consideram inesquecível. Espero que este livro ajude a trazer mais gente para o círculo de inspiração que foi, e continua sendo, a sua vida”, diz Peter Rodenbeck.

Uma edição de tiragem limitada foi lançada em 2017 para homenagear a empresária no ano em que se completavam dez anos de seu falecimento, dez meses depois da abertura das duas primeiras lojas no Brasil. A nova edição da obra chega ao grande público em versão revisada pela jornalista Luciana Medeiros e pela Buzz Editora. O leitor vai se emocionar com a história de uma mulher que se preparou para enfrentar com inteligência e emoção os desafios do mundo corporativo, um ambiente onde a voz feminina ainda precisa ser mais ouvida e respeitada.